quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

Jumanji ... Joe Ghoststriker X-16






1995, Portugal.  Estava à venda a série de 1993 (12º série nos Estados Unidos). Longe de ser completa, uma vez que a popularidade da marca vinha sendo cada vez menor, fosse por culpa da qualidade dos acabamentos, direcções tomadas por quem decidia ou opções de marketing. Assim, dos 16 veículos da série regular e, não contabilizando exclusivos, apenas 6 chegaram a Portugal. O risco era calculado. Em retrospectiva, para bem dos investidores e mal dos entusiastas de G.I.Joe, estavam certos. 10 anos depois ainda existiam lojas a tentar vender a 50% (e até menos) os restos de Street Fighter II e Star Brigade...

sexta-feira, 5 de janeiro de 2018

Bola Louca de Batalha

Adaptação da capa de GIJOE #59,  Marvel
"Bola Louca de Batalha", em que Louca acaba por ser o duplo significado de Ballistic, que a ser traduzida como Balística, remete para a ciência que estuda o movimento dos projécteis. Ahh, meninos e meninas, aprender com G.I.Joe (que nesta altura, 1989, ainda era Action Force em Portugal). Quanto à mecânica da coisa, o princípio era simples: um pogo-stick gigante, em esteróides e bem armado, funcionava com curtas explosões dos seus foguetes para se elevar no ar. As fortes suspensões dos seus três pés, permitiam uma aterragem segura e utilizar esse momento para duplicar a acção do salto. Ao elevar-se, não só tinha imediatamente uma vista priviligiada do inimigo, como podia fazer uso das duas bombas guiadas por infravermelhos, ou da metralhadora que tinha montada na torre inferior. Este estranho modo de se movimentar, que lhe valeu o nome "POGO", sendo imprevisível, tornava-o um inimigo difícil de abater. Precisaria de um adversário à altura. Com pelo menos 4 canos de 90mm, vários mini-mísseis, 360º de visão noturna e computador de aquisição de alvos...